Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Leonor e o Cromossoma do Amor

Este blog serve para vos falar um pouco da nossa vida enquanto pais de uma menina muito especial, pois tem o cromossoma do amor e na realidade foi isso mesmo que ela trouxe à nossa vida: muito amor!

Este blog serve para vos falar um pouco da nossa vida enquanto pais de uma menina muito especial, pois tem o cromossoma do amor e na realidade foi isso mesmo que ela trouxe à nossa vida: muito amor!

Leonor e o Cromossoma do Amor

29
Set19

Projeto AMA

Neuza

Há muito pouco tempo fui adicionada num grupo no facebook denominado de Projeto AMA e confesso que ainda não participei de forma ativa no grupo, mas tenho acompanhado e tenho de admitir que estou a amar o que leio e vejo.

O objetivo do grupo é tão simples: é amar! Amar-nos a nós próprios, amar o próximo, espalhar o amor por todo o lado, na rua, no trabalho, em casa....simplesmente AMAR...e só isso faz com que o grupo faça todo o sentido para mim! Se puderem espreitem que vão gostar.

Apesar de eu não ser ativa (pelo menos até hoje) eu sinto e acredito na essência do grupo e tento amar e espalhar o amor por quem me rodeia e em tudo o que faço: em casa, no trabalho, no trato com os outros! Se eu conseguir, mesmo que com uma piadola colocar um sorriso no rosto de alguém, eu própria já fico imensamente feliz, se conseguir ajudar outro alguém com algo que precise, eu fico feliz! O meu dia tem de valer a pena e para isso basta-me saber que fiz bem a alguém e aí aparece um sorriso no meu rosto e mesmo cansada sei que tudo valeu a pena. Sei que se não faço mais é porque não posso (ou não consigo, mas não quero pensar nisso, tentarei sempre dar um jeitinho para conseguir).

O que me coloca triste é saber que falhei com alguém, mesmo que sem querer e vou sempre tentar compensar, é saber que trabalhamos tanto para construir um lar e adquirir os nossos bens e vem alguém que com uma grande leviandade simplesmente destrói o que tanto nos custou construir e vocês não imaginam como tem sido difícil lidar com estes obstáculos, mas cá continuamos na luta.

Por falar em amor, tenho uns amigos que têm uma gatinha bebé (já com 5 mesinhos) e estão a fazer de FAT, mas precisamos mesmo de encontrar uma família 5* para a adotar. E adivinhem só, há um requisito que é obrigatório: AMAR aquela patudinha porque acreditem que ela está cheia de amor para dar! quem estiver interessado é entrar em contacto comigo...no meu facebook encontram a foto daquela linda menina!

Um grande beijinho nos vossos corações e amem muito!

P.S.: Hoje não falei da Leonor, mas ela está ótima e para mim é o símbolo máximo do que é o amor, do que é amar e ser amado, aliás ela veio ter às nossas vidas com o cromossoma do amor. Ela é a minha vida, é tudo para mim!

71322210_495183904396469_4601134718300192768_n n.j

69913172_2710400568984728_700230839211917312_o.jpg

22
Set19

Setembro

Neuza

E com o mês de setembro chegou o regresso às aulas e a novas rotinas.

Digo regresso (apesar de ela ter ido à escola durante todo o verão), porque acabou por ficar uma semana no início deste mês comigo em casa e regressou para novas rotinas numa nova sala.

A minha Pipoquinha sempre gostou da escolinha. A adaptação dela foi fantástica, nunca fez uma birra, nem pediu para voltar para o meu colo, pelo contrário, sempre que vê seja a educadora, seja a auxiliar da sala dela, seja a diretora, qualquer pessoa adulta da escola, estica-se logo toda e não quer mais saber de mim.

E pensam vocês: que ótimo! (Assim não há birras, não custa tanto, ficas mais tranquila). Sim, é ótimo mas custa-me todos os dias, mas a mim e não a ela...estou tranquila porque no fundo do meu coração sei que ela está bem entregue, mas é isso mesmo, eu estou a entregá-la - ainda que por apenas umas horas - a outras pessoas. O meu coração fica sempre apertado, as preocupações não terminam, sempre que o telefone toca fico apreensiva a pensar que pode ser da escolinha da minha pequenita e se estará tudo bem com a minha princesinha! É uma parvoíce? Talvez sim, mas para mim não, porque estou a entregar a minha vida, o meu maior tesouro e o coração de uma mãe nunca descansa.

Passo os meus dias (isto quando dou por mim e me ponho a reviver o dia), a pensar nela, em como ela estará, se estará tudo bem, o que estará a fazer, se se magoou...e ao fim da tarde já só quero ir para casa respirar aquele cheirinho tão dela, sentir aqueles beijos (leia-se baba) com que ela me presenteia, usufruir daquele sorriso que é o meu alento e brincar um pouco, ao mesmo tempo que tentamos fazer um pouco de terapia, só que disfarçada!

Às vezes penso que ela é tão minha, mas na verdade eu é que sou toda da minha bebécas, derreto-me toda com ela e ao fim do dia, já estafada, sinto que renasci e que ganho vida com todos aqueles miminhos e brincadeiras com a minha peixinha.

É claro que temos uns momentos só nossos em que sou apenas mãe e não a mãe-terapeuta e é tão maravilhoso...ela é tão maravilhosa!

Ela é uma benção nas nossas vidas e eu sou uma sortuda por Deus a ter colocado no meu caminho.

Continuo a questionar-me porquê? Porque foi ela escolher-me a mim? Porque sou eu merecedora deste amor? Que fiz eu assim de tão fantástico?

Na verdade não sei, apesar de gostar muito de saber...o que sei? Sei que, claro que tenho as minhas quebras, sou humana e bastante longe de ser perfeita (que também não queria), mas sei que sou imensamente agradecida por todo este dom de amar.

69915717_886774491693445_106512083679444992_n n.jp

11
Set19

LEONOR

Neuza

13 meses de ti
Minha Pipoquinha pequenina,
És a Princesa da mamã,
A minha alegre menina.

O presente mais bonito
Que o papá me ofereceu,
Quero que saibas desde já
Que o meu colinho será para sempre teu.

Serás sempre o meu bebé,
A minha grande Guerreira,
És linda filhota adorada
E uma grande aventureira.

És e serás sempre um grande orgulho,
O meu eterno amor,
És o sol da nossa família
Sim, tu, a nossa mais linda flor.

Tu és a minha Luz
Torço por ti com fervor,
Alegras todos os meus dias
Minha peixinha, minha Vida, minha Leonor!

70457935_2468195536749545_5826496558660583424_n.jp

 

04
Set19

Os 13 Meses Mais Felizes

Neuza

Apesar de alguns obstáculos e dos dias mais difíceis, estes estão a ser sem dúvida, os 13 meses mais felizes das nossas vidas.

Às vezes dou por mim agarrada à minha pipoquinha e a perguntar-lhe: "Como é que eu te amo tanto?" e aquele mega sorriso faz as lágrimas correrem pela minha cara...são de alegria, de amor e são incontroláveis. Este amor é tão forte e verdadeiro e ao mesmo tempo é impossível de explicar, mas as minhas lágrimas, para mim, dizem tudo (e sim, também sou um pouco mariquinhas!!! =) ).

Na quinta-feira passada a nossa princesinha fez 13 meses e tivemos a consulta de desenvolvimento do 1 ano de idade. Para não variar, estava bastante ansiosa e expectante com o que iria acontecer e ouvir. Tínhamos também as análises que ela fez um pouco antes dos 12 meses para mostrar.

A Leonor foi vista pela médica dela, foram feitos alguns "testes" e foram analisados os resultados das análises. Estava tudo bem com estas últimas e os valores de tiroide até desceram em relação às análises dos 6 meses, o que nos deixou muito felizes! Por último a conclusão da médica e as suas palavras foram: " A Leonor está um espetáculo! Está fantástica! Em relação à fala penso que já deveria dizer mais qualquer coisita, talvez venha a ser necessário a Terapia da Fala, mas também não será para já". Confesso que me enchi de orgulho da minha pequenita, desta nossa grande guerreira, todo o trabalho que ela tem está a compensar. Não podíamos estar mais felizes.

No sábado, tivemos um casamento em que a nossa bebécas foi a menina das alianças. Percorreu aquele "palco" até ao altar que nem uma menina crescida, claro com a minha ajuda, mas sem birras e focada no que estava a fazer...portou-se tão bem e estava tão linda...eu simplesmente não conseguia parar de olhar para ela e de me orgulhar tanto daquele ser tão pequenito. Às vezes ponho-me a olhar para ela e penso: "Meu Deus, como ela é perfeita!" Porque efetivamente, para mim ela é...Ai este amor que dá cabo de mim e do qual tanto gosto!

Quando foi para entregar as alianças, em vez de as dar em mãos aos noivos deixou-as cair ao chão, mas com aquele grande sorriso ninguém deu importância, até porque aquele sorriso desmancha qualquer um, só houve sorrisos e elogios à nossa peixinha mais boa. E na realidade, ela mereceu-os bem!

No resto da festa continuámos com um comportamento exemplar e a divertir-mo-nos imenso, nós e ela.

Na segunda retomámos a terapia e que bem que se saiu, parecia que nem tinha estado um mês "parada" e sempre cheia de vontade...ela própria consegue encontrar motivação em si mesma. Mesmo quando está cansada e faz o seu choradinho, não para continua a sua terapia, mesmo a chorar. A mim só me dá vontade de a agarrar, de lhe dar colinho e aconchegar, mas sei que não o posso fazer para o bem dela, e vejo a minha lindona ali a lutar até ao fim e a esforçar-se ao máximo. Como não me orgulhar? Aprendo tanto com ela e todos os dias mais e mais.

Esta semana começou também com a avaliação com outro médico que segue a Leonor e que é o "Big Boss" da Síndrome de Down e que também a consultou, falou com uma das terapeutas que a segue e fez uns "testezitos" à Leonor para dar a sua "sentença" e a conclusão? A conclusão foi que: "A Leonor está com um excelente desenvolvimento psicomotor!" Não podíamos estar mais satisfeitos e felizes e mais uma vez com um orgulho tão grande que enche o peito, só apetece gritar ao Mundo: "Sim, esta menina, que luta todos os dias pela sua autonomia, pela sua independência, pela igualdade e inclusão, por fazer cada vez mais e melhor, é MINHA FILHA! MINHAAAAA". Na realidade não grito, mas digo a quem quer ouvir e penso todos os dias.

Ontem foi dia de irmos a Espinho para a reavaliação de Odontologia e também viemos de lá com um sorriso estampado no rosto. A boca da Leonor continua ótima, com uma conformação espetacular e agora com o nascimento do dentinho está tudo encaminhado!

Foram dias muito felizes, acho que por mais que quisesse exprimir o quanto felizes foram, não iria conseguir, seria sempre menos que a realidade.

Agora é continuarmos a acompanhá-la nesta luta para que continue a vencer.

69566613_522949288474150_5620254325050703872_n n.j

70581990_2226701304105989_682362645684158464_n n.j

69263328_2259686804312477_2015433637238931456_n.jp

70298068_399070010791368_8069321393935745024_n.jpg

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D