Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Leonor e o Cromossoma do Amor

Este blog serve para vos falar um pouco da nossa vida enquanto pais de uma menina muito especial, pois tem o cromossoma do amor e na realidade foi isso mesmo que ela trouxe à nossa vida: muito amor!

Este blog serve para vos falar um pouco da nossa vida enquanto pais de uma menina muito especial, pois tem o cromossoma do amor e na realidade foi isso mesmo que ela trouxe à nossa vida: muito amor!

Leonor e o Cromossoma do Amor

12
Jun19

A Primeira Semana na Escolinha

Neuza

Esta semana que passou foi a primeira semana de escolinha para a minha pipoquinha. O meu coração já estava apertadinho há algum tempo porque olho para ela e acho que a minha bebécas ainda é muito pequenita, mas não havia hipótese, tinha mesmo de ser.

No dia 3 quando chegamos à escola vi que para a minha princesa tudo era novidade, estava e ficou super atenta a olhar para todo o lado e para todas as pessoas. o meu coração desmoronou quando a entreguei nos braços da diretora, não ali em frente dela, mas desfiz-me em lágrimas.

E o meu dia foi passado assim: com o coração nas mãos, a olhar a toda a hora para o telemóvel a ver se este tocava e se poderia ser da escolinha, mas não, tudo foi tranquilo.

A verdade é que a minha pequenita se habituou muito bem à escolinha e às educadoras. E eu? Eu ainda me estou a habituar, mas dói um bocadinho menos todos os dias.

E como chegámos ao fim da semana? Bem, a minha filhota ficou doente. Apesar de sabermos que agora iria acontecer frequentemente não imaginava que fosse logo na primeira semana de escola. Está toda entupidinha, mal consegue respirar e para a aspirar é um caso muito sério.

O que eu admiro na minha menina é que apesar de doente está sempre bem dispostinha, a sorrir para toda a gente.

No domingo tivemos o aniversário da minha afilhada, com direito a festinha. Adorei o local - Jardim da Fábrica da Pólvora em Barcarena - e o que é que tínhamos lá? Baloiços e a Leonor fartou-se de escorregar no escorrega e andar no balancé. Ela ama de paixão o escorrega e manda-se mesmo quando se apanha no topo. Temos de ter muito cuidado e todos os olhos são poucos.

Este fim-de-semana já comecei a reparar que a pipoquinha nos passou "a doença". Tanto eu como o João estamos doentes, no entanto, também já estávamos preparados para que isso acontecesse. Mas o amor que sentimos uns pelos outros só aumenta, os nossos momentos em família são muito felizes, alegres, são repletos de sorrisos, abracinhos, beijinhos e miminhos. E é tão bom! É demais!

Hoje já noto melhorias nela, vamos ver como corre esta semana.

64267182_646260035841752_6809346042769702912_n n.j