Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Leonor e o Cromossoma do Amor

Este blog serve para vos falar um pouco da nossa vida enquanto pais de uma menina muito especial, pois tem o cromossoma do amor e na realidade foi isso mesmo que ela trouxe à nossa vida: muito amor!

Este blog serve para vos falar um pouco da nossa vida enquanto pais de uma menina muito especial, pois tem o cromossoma do amor e na realidade foi isso mesmo que ela trouxe à nossa vida: muito amor!

Leonor e o Cromossoma do Amor

12
Out20

O Início do Novo Ano Letivo 2020/2021

Neuza
Este início de ano letivo, penso não ter sido calmo para ninguém e arrisco até em dizer que nos sentimos todos (e falo de nós pais e dos encarregados de educação) muito receosos com toda esta situação, mas que na realidade a expressão é "tem de ser" e é para o bem deles. A educação/ensino não pode parar e a convivência para os miúdos é super importante a nível de socialização (é só a minha opinião, que vale o que vale).

Confesso que no fim de Maio, quando as escolinhas voltaram a abrir portas e fui deixar a minha Pipoquinha, não estava tão assustada como me senti em Setembro, isto porque em Maio haviam, ainda, pouquinhos meninos na escola, estava tudo "mais controlado" e de forma mais fácil. Agora em Setembro voltam os meninos todos, voltam os pais ao trabalho e como já se viu e infelizmente, porque parece que ainda existem muitas pessoas que ainda não perceberam que estamos no meio de uma PANDEMIA, voltam os ajuntamentos, esqueceram-se de que houve um confinamento, um estado de emergência, que ainda estamos sob medidas de contingência, aliás como podemos observar todos os dias com os números de novos casos que nos tem entrado pela casa a dentro através da televisão.

A minha consciência está tranquila, sei que tomo todos os cuidados possíveis, para me manter segura a mim e ainda mais importante aos meus, principalmente à minha Princesinha.

No nosso caso, com início do ano letivo, há também novas avaliações feitas com a responsável da escolinha, a responsável da sala, a responsável da Equipa da Intervenção Precoce que irá ficar com a Leonor, com o objetivo de traçarmos novos objetivos para a Leonor e percebermos a nível de desenvolvimento como ela está e o que é necessário trabalharmos mais.

Assim como nós pais também falamos sempre após a terapia com a Raquel, a terapêuta que acompanha a Leonor desde muito bebé e ela nos dá o feedback de como ela está a nível de desenvolvimento e do que vamos fazer a seguir. A Raquel para mim é família, é uma amiga. Ela talvez não saiba, mas veio salvar-me a mim e consequentemente veio salvar a Leonor e a nossa família.

Recorri à Raquel, quando já não estava a aguentar mais o facto de sempre que o meu bebé acordava as únicas coisas que fazia com ela era dar mama, colocar a arrotar, trocar fralda e fazer terapia e colocar a dormir novamente. Era ciclíco. Mas eu queria ter os meus momentos de apenas mãe e não mãe terapêuta. Estava a fazer-me mal, eu só queria poder usufruir do meu bebé, dar colo, mimo e aconchego. Para não falar de que ainda estavamos a passar por todo um período de adaptação a duas novas realidades: a entrada de uma bebé, o primeiro, na família e o facto de termos acabado de descobrir que esse bebé tinha Síndrome de Down e que precisava de umas ajudinhas extra.

Não esquecendo como é óbvio a Susana, também para mim uma grande amiga, sempre com uma preocupação também comigo e com o meu estado emocional e que foi a primeira terapêuta da ELI da minha filhota e que infelizmente, e digo assim porque tanto eu como a Leonor gostamos muito muito dela, este ano já não irá acompanhar a Leonor. Existem outros bebés pequeninos que precisam dela e só quero que os pais desses bebés saibam e fiquem descansados porque não vos podia ter calhado melhor pessoa. A nossa relação não terminou, prometi que lhe continuava a mandar miminhos da nossa Pipoquinha e assim farei. Continuaremos a falar sem dúvida.

Tudo isto para vos dizer que a Leonor está ótima a nível de desenvolvimento. Fala imenso, parece um papagaio, tem noção das rotinas e do que fazer com os materiais que lhe são dados, a nível de motricidade também está super bem, tem imensa energia: corre desde que acorda até que se deita (literalmente), costumo dizer que me canso só de olhar ahahahah.

Adorava que todos pudessem conhecê-la porque ela é uma linda e parte corações. É amorosa.

Neste blog, há algum tempo atrás disse que não iria mostrar a cara dela, que ela quando fosse crescida a mostraria se quisesse, mas a verdade é que foi ela já tão pequenina que quis. Ela adora isto, as fotos, os vídeos. Adora pousar e eu achei que estava na hora de vos presentear com ela aos 12 meses. NUNCA pensei que seria tão cedo, mas o meu coração mandou. Ela é especial demais para ficar guardada só para nós. Ela não é a trissomia 21, ela é a Leonor, a minha Leonor e tem um rosto que é lindo e está sempre com um sorriso que alegra qualquer um e qualquer dia.

Tudo isto para vos comunicar que apesar de todas as contradições, a Leonor está ótima, a desenvolver muito muito bem e cada vez mais tenho a certeza que com amor tudo se consegue, o amor é tudo!

Por isso amem muito e se acham que alguém, por algum motivo não merece o vosso amor e o vosso carinho, desenganem-se, essas são as pessoas que mais necessitam do nosso amor e por isso amem-nas ainda com mais força!

Beijinhos nos vossos corações.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D